A tecnologia software CAD e como ela revolucionou o desenho industrial

O que é um software CAD?

Quem trabalha no ramo da transformação de materiais com certeza já se pegou pensando em respostas para essa pergunta, afinal de contas volta e meia alguém nos pega de surpresa e pede uma explicação sobre o assunto. 

Por definição, a sigla CAD significa Computer Aided Design, traduzindo para o português, Desenho Assistido por Computador. 

Os programas CAD surgiram na década de 60 e nada mais são que o uso da tecnologia através de sistemas de computador usados para realizar design e desenho de objetos em projetos de engenharia, design de produto, design gráfico e arquitetura, podendo estes serem reais ou virtuais. Em suma, podemos dizer que basicamente, um programa CAD é um programa para desenho.

Existia vida antes do CAD?

Antes do surgimento desse tipo de estratégia, os desenhos técnicos eram todos feito manualmente, utilizando-se pranchetas e ferramentas como gabaritos, réguas e compassos. E se no final do projeto fosse percebida uma falha em alguma medida? Ele deveria ser refeito, imagine o trabalho!

Além de ajudar a equipe de designers de produto com o desenho, um sistema CAD ajuda também na documentação destes projetos, reunindo informações importantes como os materiais utilizados, os processos que o produto precisa passar, as dimensões exatas e tolerâncias que podem ser aplicadas a essas medidas, sempre de acordo com as convenções e aplicações específicas de cada setor. Todas essas informações colaboram para que o projeto ou ou produto final seja o mais fiel e parecido possível com o planejado. 

Softwares CAD: projetistas e a era da prancheta
Softwares CAD: projetistas e a era da prancheta

Como um software CAD é utilizado por uma empresa?

Desenhar em um software CAD é uma arte,a partir dele são gerados os designers de todos os produtos que temos em casa, desde um simples e barato pote de plástico que utilizamos para guardar comida até um sofisticado e caríssimo automóvel, aquele que tanto sonhamos. 

É um sistema indispensável para o desenho técnico e industrial, sendo usado em muitas aplicações, com destaque para os setores automobilístico, desenho industrial, construção naval, arquitetura, na área médica para o desenho de próteses, entre outros, além dessas aplicações também é usado para produzir as animações por computador usadas  para os efeitos especiais em filmes. Os sistemas CAD estão presente em tudo!

Engenheiros e projetistas utilizam CAD para todas as etapas do desenvolvimento e ciclo de vida de um produto, podendo ser utilizado de maneira a ser integrado a outros sistemas, como o CAE, Engenharia assistida por computador, utilizado para análises, e o CAM, Manufatura assistida por computador, utilizado para a fabricação, entre outros. Juntos, os sistemas CAD-CAE-CAM formam uma espécie de tríade na indústria, dedicada completamente à manufatura. 

Softwares CAD: Ferramenta matriz de estampo
Softwares CAD: Ferramenta matriz de estampo

O 2D e o 3D em um CAD

Um bom software CAD, pode modelar em 3D e desenhar em 2D. 

O termo 2D significa bidimensional, ou seja, um desenho em 2D contempla a visão daquele objeto em duas dimensões, largura e altura. 

O formato 2D é um eficiente meio de transmissão de todas as informações necessárias para a fabricação de um produto, desde as medidas utilizadas para a construção, ao material e tolerâncias. A união das retas de um desenho 2D, dão origem às superfícies, que seria a parte exterior e visível de um corpo, ou seja, as superfícies vistas não tem volume.

Softwares CAD: O formato 2D

O formato 3D, refere-se ao desenho de um objeto feito tridimensionalmente, ou seja, um desenho que contempla aquele objeto em três dimensões, utilizando a  altura, largura e profundidade. É a dimensão que chamamos de profundidade que nos faz enxergar o efeito 3D como conhecemos, e é a partir dela que percebemos um objeto como cheio ou vazio e conseguirmos distinguir se ele está longe ou perto. O efeito 3D faz com que enxerguemos os diferentes detalhes e singularidades de um objeto e dão origem aos chamados sólidos, que são objetos tridimensionais.

 

Softwares CAD: O formato 3D

Uma das principais funções do sistema CAD na engenharia  é o detalhamento de modelos em 3D e de desenhos 2D, ajudando em todo o processo de concepção dos produtos, com ênfase em pontos como a redução dos custos de desenvolvimento e do tempo de planejamento e design. Com um bom CAD, os projetistas podem desenvolver o trabalho no computador, e guardá-lo para edições e melhorias futuras, economizando tempo e otimizando os processos.

O modelamento, a montagem e o detalhamento: 3 passos indispensáveis

Um projeto em um software CAD precisa ser modelado, ou seja, de alguma maneira o design do produto precisa “chegar” ao programa, seja por desenho, cópia, ou outro meio. Modelar nada mais é que desenhar um modelo no software.

Softwares CAD: Modelamento

Em um produto complexo, como um molde de injeção, por exemplo, cada parte, cada componente precisa ser desenhado de maneira separada, após feito o desenho, ou o modelamento, de todos os componentes, é feita então a junção do conjunto, que nada mais é que reunir todas as partes feitas anteriormente em um só, a essa junção damos o nome de montagem.

Softwares CAD: A montagem

Para que nenhum detalhe da montagem seja perdido ou esquecido na hora da usinagem, esses detalhes são destacados à parte no desenho 2D, isso se chama detalhar a peça

O detalhamento pode ser usado para consultar as especificações do modelo, como medidas, tolerâncias e definições de montagem, além das formas que devem ser usinadas. 

Softwares CAD: o detalhamento

Quais características preciso levar em consideração para um bom CAD?

Uma das características que um bom CAD tem é a capacidade de parametrização, ou seja, as alterações do projeto são feitas modificando-se parâmetros como distâncias, ângulos, relações como paralelismo e perpendicularismo, entre outras características. Ou seja, a geometria dos desenhos paramétricos é obtida através das especificações, e restrições, dadas ao objeto desejado. 

Quando modelamos em um software paramétrico, podemos associar o modelo a dados tabelados, como dimensões, especificações, tipo de material, restrições, entre outros. Um dos grandes diferenciais, que torna um software paramétrico tão especial em relação aos outros é que através dessas tabelas é possível fazermos modificações no projeto todo automaticamente, eliminando surpresas indesejáveis na fase da manufatura

Outra característica importante ao um bom software CAD é a capacidade de interpretar operações a partir de superfícies, sólidos e curvas, de acordo com a necessidade específica de cada produto em um software só, a essa característica chamamos de modelamento híbrido

Um bom CAD é associativo, ou seja, qualquer modificação em um de suas cotas, assim chamamos as medidas em um desenho técnico, fará com que todo o modelo seja automaticamente modificado,então, caso você precise mudar uma medida, todo o desenho automaticamente será atualizado.

Como classificamos os softwares CAD

São várias as opções de CAD no mercado, se você já precisou procurar por um software desses já deve ter esbarrado em várias opções, desde as mais caras às mais baratas, deve também ter se deparado com as expressões low, middle e high end, que são usadas para classificar esses softwares.

Um software CAD chamado low-end é caracterizado por utilizar representações geométricas apenas em 2D. Geralmente são softwares mais baratos, usados para suprir as necessidades mais básicas de uma empresa, não se comunicando com outros sistemas. Basicamente são apenas substitutos das pranchetas de desenho.

Os CAD middle-end são chamados de softwares CAD de médio porte. São sistemas que trabalham com 3D e costumam ser paramétricos e associativos. É importante destacar que, diferente dos softwares low-end, os middle-end tem a possibilidade de comunicação com outros sistemas.

A última classe de softwares e a mais completa, é a chamada HIgh- end, que são softwares mais robustos, além de englobarem todos os recursos das classes citadas acima, ainda possuem outros, como o modelamento híbrido, recursos de visualização fotográfica e são completamente integrados com outros sistemas, como o CAM e o CAE.

Como escolher o melhor CAD?

 

Depois de tudo isso, como escolher um bom software CAD? A resposta nesse caso é: depende, principalmente do ramo do seu negócio, pois existe no mercado softwares dedicados a diferentes designs, como os de moldes, peças automobilísticas, estampos, desenho de joias, entre outros. 

O melhor software CAD vai ser o que representa melhor o seu negócio e torne o seu processo de produção mais simples e intuitivo possível, isso é fato! É também, aquele que fornece a melhor equipe de pós venda e treinamentos, é indispensável para uma empresa que todos os funcionários, principalmente os projetistas, estejam bem treinados e que se tenha a disposição um sucesso do cliente presente e disposto a ajudar.

Os softwares high-end são os mais completos, pois possibilitam vários tipos de modelamento na mesma plataforma e integração com outros sistemas, reduzindo custos, e tempo de processo.

Como foi feita a escolha do CAD aí na sua empresa, quais parâmetros foram levados em consideração? Conta pra gente

Amanda AlcantaraNovos Projetos

TECNOLOGIA CAD FAQ

O que é um software de CAD?

Desenho assistido por computador (Computer-aided design) é o nome genérico de sistemas computacionais utilizados pela engenharia, geologia, geografia, arquitetura e design para facilitar o projeto e desenho técnicos.

O que quer dizer a sigla CAD?

CAD significa Desenho assistido por computador (Computer-aided design)

Quais são os melhores programas gratuitos de CAD?

Lista dos 10 melhores programas gratuidos CAD:
1. Sculptris.
2. SketchUp Make. …
3. DraftSight. …
4. FreeCAD. …
5. OpenSCAD. …
6. KiCAD. …
7. QCAD. …
8. LibreCAD.
9. DraftSight
10. QCAD

Quais são as vantagens de utilizar softwares de desenho auxiliado por computador?

Além desses benefícios, os programas CAD modernos podem proporcionar melhorias significativas, como:

1. Aumento da produtividade do projetista
2. Permitir que o projetista lide com problemas mais complexos;
3. Redução da ocorrência de erros;
4. Diminuição do tempo de projeto;
5. Redução dos custos com o melhor aproveitamento dos recursos.

O que é o Sistema CAD CAM?

O sistema CAD/CAM, sigla derivada do inglês “Computer Aided Design – Computer Aided Manufacturing” é uma tecnologia que se baseia no desenho de uma estrutura de linhas, superficies ou sólidos em um computador seguida de sua fabricação em uma máquina de usinagem CNC (comando numérico computadorizado), como torno CNC ou Centro de Usinagem CNC.

Adicionar comentário