Um dia de conhecimento para as empresas convidadas, evento realizado pela FIT aborda tendências para Indústria 4.0

Na última semana realizamos um workshop, em parceria com a Seco Tools, para apresentar as novidades ao segmento industrial para otimizar processos e caminhar para uma Indústria 4.0.

Durante o evento, tivemos a participação de figuras importantes para o cenário industrial nacional, como Christian Dihlmann da Revista Ferramental. Que compartilhou junto aos participantes os desafios e ações a serem levadas em conta para a jornada rumo à Indústria 4.0.

Segundo Dihlmann, projetos como a Medida Provisória nº843- ou Rota 2030 - faz parte das ações responsáveis pelo desenvolvimento do cenário industrial brasileiro. Uma vez que, através desses incentivos, as empresas poderão se desenvolver, qualificar e certificar as ferramentarias brasileiras. Refletindo diretamente na redução de custos de fabricação e na demanda da indústria automotiva.

moldes-e-matrizes-christian-dihlmann

Christian Dihlmann durante a palestra sobre a Ferramentaria rumo à Indústria 4.0. Foto: Arquivo FIT

Assim, contamos com a participação de empresas como a Villares Metals S/A, que apresentaram novos materiais que contribuem para a otimização dos processos de fabricação, além da Hermle-Tecnohow, que contribuiu trazendo tecnologias que ajudam a projetar e usinar em menor tempo.

moldes e matrizes villares

Giovani Capuccio, especialista da Villares Metals, durante a palestra sobre materiais que reduzem os processos de fabricação. Foto: Arquivo FIT

moldes e matrizes usinagem

Participantes observando a usinagem de uma matriz. Foto: Arquivo FIT

Além dos workshops e eventos promovidos pela FIT Tecnologia, lançamos recentemente uma plataforma EAD de treinamentos para contribuir com as empresas que querem atingir os processos de uma Indústria 4.0.

Sobre a FIT Tecnologia:

Há 10 anos no mercado, a FIT é especializada no fornecimento de softwares com tecnologia CAD, CAM, CAE e DNC, sistemas de alta qualidade e eficiência, além de soluções completas para os mais modernos processos de projetos, engenharia de processos, transmissão de dados e manufatura.

Com o intuito de apresentar novas tecnologias que contribuem para o processo fabril, a FIT, em parceria com a SECOTools, Agile² Consulting, Hermle -Tecnohow e Villares Metals, realizarão um evento focado em Moldes e Matrizes rumo à Indústria 4.0.

Neste evento serão discutidos assuntos de como se aproximar da indústria 4.0, tais como: o que é possível realizar hoje na prática, algumas ideias de simples execução, outras com investimentos e até otimizações na metodologia utilizada pela maioria das ferramentarias.

Além da usinagem de uma cavidade-macho, as principais tecnologias de ferramenta de corte, fixação, estratégia, medição, máquina de usinagem CNC de 5 eixos e outros assuntos serão abordados durante o evento.

Confira a agenda:

Assim evento acontecerá em julho de 2019, na unidade da SECOTools em Sorocaba-SP, e será exclusivo para empresas convidadas.

Sobre a FIT:
Há 10 anos no mercado, a FIT é especializada no fornecimento de softwares com tecnologia CAD, CAM, CAE E DNC de alta qualidade e eficiência, além de soluções completas para os mais modernos processos de projetos, engenharia de processos, transmissão de dados e manufatura.

A JSN nasceu em 1966 com seu fundador recuperando plásticos, naquela época já havia consciência na importância da reciclagem, preservando assim o meio ambiente e reduzindo a quantidade de lixo gerado.

Nesta época produziam botões de roupas com o material reciclado. Com o passar dos anos, a JSN expandiu suas atividades para o mercado automobilístico, segmento de muita qualidade, seriedade e competência. Durante esse período, a JSN fazia injeção de plástico para a extinta empresa "DKW".

Em 1975, a JSN começou um novo desafio, passando a produzir sua própria linha de produtos, tais como: porta copos, porta guardanapos, porta casquinhas, saboneteiras, toalheiros em aço inox e esmaltados. Atualmente, a empresa conta com uma grande variedade de produtos. Nesta época investiu em máquinas para sua própria ferramentaria.

Projeto 3D

Sempre na vanguarda, a JSN vem incorporando novas tecnologias e equipamentos de última geração para reciclagem e desenvolvimento de moldes de injeção de plásticos. Bem como para a fabricação de peças de aço, visando manter a união entre a tecnologia e o não desperdício de matérias primas e de recursos naturais. Em especial com o reuso da água em sua cadeia produtiva. Além disso, a JSN coloca sempre em primeiro lugar, a satisfação de seus clientes e os usuários finais que buscam um produto diferenciado no mercado brasileiro.

Website: www.jsn.com.br

Projeto 3D

Projeto 3DProjeto 3D

Principais Desafios:

  • Projetar moldes e fabricá-los com alta qualidade.
  • Continuar produzindo produtos de qualidade.

Soluções:

CAD/CAM Cimatron para Projeto 3D de Produtos, Projetos de Moldes e Usinagem CNC aplicados na engenharia de produtos e na ferramentaria.

Resultados:

ferramentaria

Com o Cimatron, foi possível expandir a área de atuação, produzindo assim seus próprios projetos 3D dos moldes na ferramentaria para posterior injeção plástica.

"Antigamente era tudo convencional, sem o software e as máquinas CNCs não conseguíamos fazer nada, não dava para produzir molde nenhum sem o software." conforme comenta o Diretor Marcelo Scalfo.

Atualmente, a JSN faz todos os projetos de moldes utilizando o Cimatron, ou seja, projeto 3D do produto, projeto do ferramental, programação CAM para as máquinas CNC, e também faz os desenhos 3D dos eletrodos para a eletroerosão penetração gerar as cavidades que possuem cantos retos e de geometrias complexas, que não são geradas diretamente pela usinagem CNC.

Nos últimos 3 anos, a JSN produziu 200 moldes para posterior injeção plástica e, assim, produzir muitos produtos com o mesmo molde.

Assim, quando perguntado sobre a competitividade com os concorrentes, o diretor Marcelo Scalfo comentou:

"Não tenho o que reclamar não, nós não temos muitos gastos. Só os Chineses que atrapalham bastante com o preço deles". E se sua demanda tinha aumentado, mesmo com a crise econômica do Brasil nos últimos 3, 4 anos, a resposta foi positiva: "Um pouco aumentou, em torno de 20%."

A JSN nasceu em 1966 com seu fundador recuperando plásticos, naquela época já havia consciência na importância da reciclagem, preservando assim o meio ambiente e reduzindo a quantidade de lixo gerado.

Nesta época produziam botões de roupas com o material reciclado. Com o passar dos anos, a JSN expandiu suas atividades para o mercado automobilístico, segmento de muita qualidade, seriedade e competência. Durante esse período, a JSN fazia injeção de plástico para a extinta empresa "DKW".

Em 1975, a JSN começou um novo desafio, passando a produzir sua própria linha de produtos, tais como: porta copos, porta guardanapos, porta casquinhas, saboneteiras, toalheiros em aço inox e esmaltados. Atualmente, a empresa conta com uma grande variedade de produtos. Nesta época investiu em máquinas para sua própria ferramentaria.

Projeto 3D

Sempre na vanguarda, a JSN vem incorporando novas tecnologias e equipamentos de última geração para reciclagem e desenvolvimento de moldes de injeção de plásticos. Bem como para a fabricação de peças de aço, visando manter a união entre a tecnologia e o não desperdício de matérias primas e de recursos naturais. Em especial com o reuso da água em sua cadeia produtiva. Além disso, a JSN coloca sempre em primeiro lugar, a satisfação de seus clientes e os usuários finais que buscam um produto diferenciado no mercado brasileiro.

Website: www.jsn.com.br

Projeto 3D

Projeto 3DProjeto 3D

Principais Desafios:

  • Projetar moldes e fabricá-los com alta qualidade.
  • Continuar produzindo produtos de qualidade.

Soluções:

CAD/CAM Cimatron para Projeto 3D de Produtos, Projetos de Moldes e Usinagem CNC aplicados na engenharia de produtos e na ferramentaria.

Resultados:

ferramentaria

Com o Cimatron, foi possível expandir a área de atuação, produzindo assim seus próprios projetos 3D dos moldes na ferramentaria para posterior injeção plástica.

"Antigamente era tudo convencional, sem o software e as máquinas CNCs não conseguíamos fazer nada, não dava para produzir molde nenhum sem o software." conforme comenta o Diretor Marcelo Scalfo.

Atualmente, a JSN faz todos os projetos de moldes utilizando o Cimatron, ou seja, projeto 3D do produto, projeto do ferramental, programação CAM para as máquinas CNC, e também faz os desenhos 3D dos eletrodos para a eletroerosão penetração gerar as cavidades que possuem cantos retos e de geometrias complexas, que não são geradas diretamente pela usinagem CNC.

Nos últimos 3 anos, a JSN produziu 200 moldes para posterior injeção plástica e, assim, produzir muitos produtos com o mesmo molde.

Assim, quando perguntado sobre a competitividade com os concorrentes, o diretor Marcelo Scalfo comentou:

"Não tenho o que reclamar não, nós não temos muitos gastos. Só os Chineses que atrapalham bastante com o preço deles". E se sua demanda tinha aumentado, mesmo com a crise econômica do Brasil nos últimos 3, 4 anos, a resposta foi positiva: "Um pouco aumentou, em torno de 20%."

Rua Prof. Altamir Gonçalves, 87
Jardim Gonçalves – Sorocaba/SP
CEP 18016-480
Horário: de segunda à sexta, das 8h às 12 e das 13h às 17h, exceto feriados.
© 2021 Fit Tecnologia. Todos os direitos reservados.
crosschevron-down