Projetista de Moldes: O que faz, quanto ganha, como contratar e mais!

Neste artigo iremos analisar a profissão de Projetista de Moldes, Matriz ou Estampos, onde trabalham, quais são suas atribuições, qual o salário destes profissionais e como se tornar um deles.

Esses profissionais trabalham em empresas que são ligadas a fabricação de produtos que envolvem borracha ou plástico, na fabricação de máquinas e equipamentos (moldes de injeção, máquinas de estampo).

Esses trabalhadores atuam, geralmente, em empresas que estão ligadas a fabricação de peças de borracha e plástico, de máquinas e equipamentos (instrumentos médico-hospitalar, artigos de grandes precisões, e para automação das indústrias, até para pequenos objetos como relógios e contadores de tempo), para fabricação de peças para veículos automotores, também para equipamentos que trabalhem com energia elétrica.

Dessa forma podemos observar que este profissional tem uma grande gama de trabalhos que pode realizar.

 

O QUE FAZ UM PROJETISTA DE MOLDES, MATRIZ E FERRAMENTAL?

Quando o assunto é ser um Projetista de Moldes, Matriz ou Estampos é um pouco complexo de se pensar o que realmente faz esse profissional. Então cabe uma ótima pergunta, afinal o que são moldes?

Moldes, conforme definição, são ferramentas de formação de componentes ou peças.

Variando entre suas dimensões, tipos e complexidade de cada molde.

Pensando na sua forma mais rudimentar é composto por duas metades de matriz, cavidade e bucha, são as partes que darão forma a peça que será injetada neste molde.

Os moldes são classificados em questão de tecnologia ou da matéria prima (insumo) que será usada durante o processo de fabricação.

 

Estampos tratam de uma soma de operações que serão executadas na matéria-prima inicial, e ao final do trabalho se obtém um produto acabado com forma e dimensões definidas.

Essas operações acontecem com a ajuda de ferramentas instaladas em prensas de alta pressão.

É um processo a frio que consiste em uma chapa ser colocada sobre uma matriz e recebe uma força que a desloca contra a matriz, fazendo com que a chapa adquira a forma geométrica da matriz.

Projetista de Moldes, Matriz ou Estampos
Após entender o que são moldes, matriz e estampos podemos tratar sobre as atribuições de um Projetista de Moldes, Matriz ou Estampos.

As atribuições de um projetista de moldes inclui: planejar e desenvolver projetos de moldes, matrizes e formas de estampagem; verificar se o projeto é viável para produção; especificar o material utilizado; desenvolver protótipos; fazer o cálculo de custo x benefício; acompanhar os testes práticos e coordenar o trabalho a ser executado; elaborar manual de operação e coordenar novos projetos de Moldes, Matrizes e Estampos.

 

COMO SE TORNAR UM PROJETISTA DE MOLDES?

Algumas das formas de se tornar um Projetista de Moldes, Matriz e Estampos é necessário ter experiência em outros setores da Indústria como ferramenteiro, operador de máquinas de estampo, operador de máquina de corte, desenhista projetista, entre outras áreas semelhantes da indústria.

Para este cargo o tempo de serviço pedido é entre 4 e 5 anos de experiência. Além, claro de domínio de softwares CAD/CAE/CAM, mecânica a nível técnico no mínimo e áreas afins.

Separamos 7 passos de como conseguir ser um Projetista de Moldes, Matriz ou Estampos. São eles:

1. Ter experiência na área de injeção, de corte ou de estampos

O início mais comum na área de Projetista de Moldes é iniciar como operador de máquinas de injeção de plástico e afins, de máquinas de corte ou de estamparia.

Porém obter acesso a este setor de trabalho é necessário ter um curso de mecânica industrial, neste curso serão apresentados como utilizar os equipamentos de proteção individual, leitura e interpretação de desenho técnico, ajuste mecânico, ferramentaria, usinagem em torno e demais matérias do dia a dia.

2. Inicie um curso Superior na área.

Este curso irá fornecer conhecimento aprofundado em desenho técnico, entendimento geométrico e espacial, funções físicas, matemática, simbologia, programas de desenho CAD (Computer Aided Design, por definição é Desenho Assistido por Computador) e ciência dos materiais.

Ter o curso superior fará com que seu desenvolvimento seja melhor visto por seus superiores, gerando mais oportunidade de ser um futuro projetista. Importante verificar se na ementa do curso que irá iniciar tem essas matérias e a qualidade que elas são passadas.

Projetista de Moldes, Matriz ou Estampos

3. Aprenda sobre vários softwares CAD e programas de desenho

No século que estamos vivendo a tecnologia avança rapidamente sendo crucial estar sempre atualizado sobre as novas tecnologias.

Aprenda sobre desenhos bi e tridimensional, sabendo diferenciar seus usos, sempre que possível.

Inclusive os sistemas tridimensionais atuam mais fortemente nas indústrias se tornando quase padrão para certas aplicações. De maneira que os desenhos bidimensionais ainda são muito usuais, para, por exemplo, plantas baixas e sistemas de distribuição elétrica.

4. Aprenda sobre linguagem e simbologia da área em que escolheu.

Este tópico se relaciona quando é necessário indicar onde será feito o corte, o estampo (indicando profundidade, passante ou não) e qual a especificação, apontar qual tipo de soldagem vai ser usada e os métodos, dimensionamentos geométricos e tolerâncias.

5. Estude sobre termodinâmica e mecânica dos materiais.

Saber, de forma profunda, quais são os efeitos térmicos durante a fabricação de peças e seus cortes trará vantagens na hora de fazer um bom projeto de molde.

Contando que o uso correto de canais de resfriamento traz benefícios de acabamento durante a finalização da peça.
A mecânica dos sólidos é usada para saber quais são os pontos térmicos que pode-se trabalhar em um molde, no caso de Estampos, saber a deformação que o material aceita (trabalhar na deformação plástica) sem o rompimento e a tenacidade do mesmo.

6. Converse com quem tem experiência na área.

Pedir dicas de empresas, softwares, sistemas de modelagens e afins. Saber como está o mercado também é tarefa do futuro projetista

7. Se especialize e se atualize constantemente

Para se especializar neste setor é necessário experiência e grande conhecimento de ferramental, moldes, matriz e estampos, portanto o estudo constante de novas ferramentas, conhecer o processo de concepção e montagem.

QUANTO GANHA UM PROJETISTA DE MOLDES

Projetista de Moldes, Matriz ou Estampos


Atualmente, considerando a média nacional, um Projetista de Moldes, Matriz ou Estampos ganha em média R$ 3.518,43 e trabalha cerca de 43 horas semanais de acordo com o CAGED do Ministério do Trabalho e Emprego, avaliando o período de 08/2018 até 03/2019.

O piso salarial médio nacional para um Projetista de Moldes fica em torno de R$ 2.498,00 e entre os maiores valores recebidos está o de R$ 5.317,16. Para esta média são utilizados apenas profissionais com carteira de trabalho assinada e trabalhando em regime CLT.

O salário varia conforme a classificação do profissional entre: júnior, pleno e sênior. Os dois maiores critérios para se avançar nessas classificações é a experiência na área e o nível de escolaridade. Cada empresa separa os profissionais conforme seus próprios critérios, porém existe uma média de experiência e escolaridade entre todas.

  1. Projetista de Moldes Júnior: Possuir experiência de 4 a 5 anos, com no mínimo técnico na área industrial que contemple os conhecimentos necessários para atuar como tal.
  2. Projetista de Moldes Pleno: Possuir experiência de 6 a 7 anos, pode ser pedido graduação em área que contemple os conhecimentos necessários para atuar como Projetista de Moldes, Matriz ou Estampo.
  3. Projetista de Moldes Sênior: Ter 10 anos ou mais de experiência, ser pós-graduado e gestor.

QUAIS EMPRESAS POSSO TRABALHAR COMO PROJETISTA DE MOLDES, MATRIZ OU ESTAMPO?

São vários setores do comércio, indústria e agricultura que necessitam de Projetista de Moldes, entre elas estão: INJEMOLDING, INTECH ENGENHARIA, KOPPE, TAFF INDÚSTRIA DE PLÁSTICOS, PLÁSTICOS ALKO, KARINA PLÁSTICOS, CRW PLÁSTICOS, FÁBRICA BRASILEIRA DE MOLDES FBM, INJEPLASTIC, dentre outras.

Esse profissional também pode trabalhar como Freelancer realizando projeto para várias empresas sem que se crie vínculo empregatício, gerando benefícios para ambos, mantendo o profissional ativo e aprendendo sobre diversas áreas de atuação da indústria.

COMO CONTRATAR ESTE PROFISSIONAL

Projetista de Moldes, Matriz ou Estampos


Para contratar um profissional desta área existem várias formas, porém iremos citar as 2 principais, que são:

1. Contratar uma empresa de Recursos Humanos

Um caminho muito comum para se contratar profissionais de várias áreas, e para desenhistas projetistas de ferramental não seria diferente.

Para este contato é interessante saber se a empresa contratada tem um bom banco de dados dos currículos de profissionais desta área.

2. Usar sites de empregos

Atualmente é um meio muito usado pela facilidade oferecida da forma de contrato desses sites, pois são valores baixos para utilizar os serviços dos mesmos, contendo assim um ótimo custo x benefício para médias e pequenas empresas, que geralmente não possuem um setor de RH que consiga fazer a gestão dos funcionários e a coleta de currículos.

 

Gostou? Acompanhe nossas páginas no Facebook e  no LinkedIn e fique por dentro das novidades!